Polícia


PMCL agradece polícia por prisão de suspeitos de vandalismo e furto em escola



Em nota enviada à imprensa, na tarde desta sexta-feira, dia 8, a prefeitura de Lafaiete agradeceu à Polícia Militar, pela localização e prisão dos suspeitos de terem cometido furto e atos de vandalismo na escola municipal Vereador Alfredo Mafuz, no bairro São Dimas (zona oeste).

Além de levar vários eletrônicos, os criminosos também cometeram ato de vandalismos revirando e jogando tinta por todo o educandário. Além disso, escreveram palavras de baixo calão ofendendo a Polícia Militar. Segundo a assessoria da prefeitura, foram furtados aparelhos de som, DVD, TV, câmera fotográfica, data show, caixa de som, rádio e um computador com CPU, teclado, modem e impressora, dois botijões de gás, dois frigobares, um teclado Yamaha, uma garrafa térmica, um liquidificador, um forno elétrico, um suporte de televisão e DVD, facas e itens da merenda escolar.

Ainda segundo assessoria o que mais chamou a atenção foi a cena de vandalismo em toda a escola. Os ladrões reviraram todos os armários e espalharam objetos escolares no chão, além de mancharem de tinta as paredes das salas, o teto do refeitório, uma lousa, várias carteiras e mesas. Frases escritas na lousa e nas paredes desafiam as autoridades e apontam a coragem dos criminosos ao cometer o vandalismo.

Chocada com o que viu, a diretoria da escola, Márcia Sacramento, relatou  sensibilizada: "É lamentável, fico indignada com tudo isso. Além de levarem objetos, aparelhos da escola, ainda danificaram as paredes com tinta. Para que isso?", disse a diretora. Ao ver o que havia acontecido, uma servidora que trabalha na escola entrou em estado de choque e precisou ser contida. Uma equipe de perícia da Polícia Civil esteve no local e o caso será apurado.

 

Atrás das grades

A prisão dos acusados foi realizada na tarde de quarta-feira, dia 6. Os policiais foram até a uma casa na rua Alfredo Urbano, no bairro São Dimas, em averiguação às informações que os materiais furtados estariam no referido endereço. Os militares cercaram a casa e observaram a movimentação de quatro suspeitos em seu interior. Percebendo a presença da equipe policial, os suspeitos tentaram fugir, contudo, três deles foram contidos. O quarto suspeito foi identificado por meio do aparelho celular que deixou cair ao chão, no momento da fuga. Ele continua sendo procurado.

Na casa, foram encontrados diversos objetos condizentes com os materiais furtados do educandário. Ainda foram encontrados na casa, uma porção de maconha, uma balança de precisão e R$ 272. Os três receberam voz de prisão e foram encaminhados à delegacia, juntamente com os materiais apreendidos. Na residência do quarto envolvido, os policiais apreenderam um aparelho de som, também furtado na escola.




Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Rafaela Melo, no dia 09/01/2016


Comente esta Notícia