Polícia


Morador encontra ossada em matagal no bairro Queluz



Pode ter chegado ao fim, de forma trágica, a espera por notícias de Sérgio José Machado Sampaio, de 50 anos. Até o fechamento desta edição, familiares do lafaietense aguardavam a confirmação de que uma ossada encontrada na manhã de quinta-feira, dia 30, seria mesmo de Sérgio. A identificação das características da vítima foi inviabilizada diante do avançado estágio de decomposição do corpo, localizado por um homem que cortava bambus em um matagal na rua Celso Raciope, no Queluz (região central). Nossa equipe de Reportagem esteve no local e percebeu que os detalhes do traje conferem, exatamente, com as roupas que Sérgio usava da última vez que foi visto, no dia 13 de abril, próximo à praça da Bandeira, no Carijós (região sudoeste) – informações que, inclusive, foram repassadas à perita que apurava o caso.

Leia a matéria completa na edição impressa, que estará nas bancas a partir deste sábado, dia 1º de agosto




Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Rafaela Melo, no dia 31/07/2015


Comente esta Notícia