Opinião

Confira o artigo desta semana: A cura espírita

Que a paz de Nosso Senhor Jesus Cristo esteja Conosco!

Provavelmente “a cura espírita” é um dos assuntos que mais gera curiosidade, divulgação na mídia e leva as pessoas a buscar uma casa espírita. A divulgação destas práticas tem ocorrido sem o devido esclarecimento e até de maneira equivocada em alguns veículos de comunicação de grande repercussão. Para evitar confusão e deturpação daquilo que o Espiritismo orienta como terapêutica trazemos a público, resumidamente, estas singelas explicações.

O primeiro conceito que nos cabe aqui é discernir Espiritismo de Espiritualismo. Allan Kardec criou o termo “Espiritismo” ou “Doutrina Espírita”, conforme descrito na introdução de “O Livro dos Espíritos” a primeira obra da codificação. Portanto, só é considerada uma prática espírita, aquela que está em conformidade das orientações contidas nas obras de Allan Kardec. Informa-nos o Codificador que para se designar coisas novas, são necessários termos novos. Logo, nem toda prática Espiritualista pode ou deve ser considerada Espírita propriamente dita.

Quanto à capacidade de “cura”, Kardec fala-nos claramente acerca dos médiuns que têm esta faculdade em o Livro dos Médiuns, no item 175: “ ... é o que tem o dom de curar por um simples toque, pelo olhar, mesmo por um simples gesto”. E ainda nesse sentido, Kardec nos orienta quanto à “faculdade de curar” no livro A Gênese, item 34 do Cap. XIV, que “...curar instantaneamente, pela imposição das mãos, (...) e? mais rara e o seu grau máximo se deve considerar excepcional.” Deixando claro que não existe a menor necessidade de “cirurgias” no corpo físico ou perispiritual por ação do médium.  Nossa irmã recentemente desencarnada Marlene Nobre (ex-presidente da Associação Médico-Espírita do Brasil) é clara ao dizer que: “nos centros espíritas que verdadeiramente estudam Kardec as pessoas não têm o aparato das cirurgias espirituais... que é preferível a FLUIDOTERAPIA”.

Esta terapêutica Espírita, como também nos informa Divaldo Pereira Franco, (referência do movimento espírita na atualidade) resume-se na aplicação do Passe e oferecimento da água magnetizada ou fluidificada, quando necessário. O referido médium, apoiado pela orientação do Espírito André Luiz (mesmo autor do livro Nosso Lar) orienta que o médium de cura ou passista, deve abster-se de manifestações mediúnicas (manifestação de espírito) no momento do passe, orientação esta encontrada na obra Conduta Espírita. Portanto, sempre que a metodologia do tratamento espiritual diverge do supracitado, entenda-se que não se trata de um tratamento espírita e sim espiritualista. Faz-se mister também esclarecer que a terapêutica Espírita é complementar e não alternativa. Colabora com as ciências médicas, e nunca às substitui.

Ensina-nos o Espiritismo que as causas de nossas aflições residem em nós mesmo e que estamos todos sujeitos à lei de causa e efeito, colhendo o que plantamos. Todos os recursos necessários para nos curarmos, se encontram dentro de nós.  Os Espíritos nada mais são que nós homens, despidos do corpo e não têm poder nenhum perante as Leis Divinas. Se curam é porque Deus o permite. Motivo pelo qual não devemos endeusá-los como fizeram os antigos povos pagãos e gentios idólatras.

A tua FÉ te curou. Que a paz de Nosso Mestre Jesus continue em todos!

Gustavo Ramalho

Colaborador da Aliança Municipal Espírita

Contato: ramalho1857@gmail.com

                                

 

 

 

 

 



Notícia enviada por Rafaela Melo, no dia 29/06/2015




Comente esta Notícia

Galerias

Família Meireles se dedica a manter tradição viva e não deixar silenciar o som das Violas de Queluz

Enquetes

Qual notícia chamou mais sua atenção?


Enquetes 2


No momento, não temos nenhuma enquete ativa.


Colunistas




EXPEDIENTE

DIRETOR-PRESIDENTE E EDITOR: Luiz Fernando de Andrade GERÊNCIA GERAL: Clésio Samuel Luiz Peixoto SUB-GERENTE: Edmilson Moreira Dutra REDATORA: Juliana Monteiro REDATOR-ADJUNTO: Hugo Pacheco Jr. REPORTAGEM: Frances Santana / Rafaela Melo PAGINAÇÃO GRÁFICA: Daniel Vieira / Raquel Gonçalves PUBLICIDADE: Mara Rúbia de Oliveira Silva / Silvana Ribas REVISÃO E DIGITAÇÃO: Jussara Andrade COORDENADOR DE ESPORTES: Amauri Machado (DRT 08266) BANCO DE DADOS: P. de Souza SECRETÁRIA: Norma Aparecida Vitoreti Ramalho CIRCULAÇÃO: Valdiney Rodrigo Vieira Rodrigues IMPRESSORES GRÁFICOS: Wilson Ricardo de Souza / Willian Ribeiro CONSELHO EDITORIAL: Dr. José Álvaro Castanheira / Luiz Fernando de Andrade / Clésio Peixoto / Juliana Monteiro