Comunidade


Show de Tuca Boelsums coroa encerramento do Abril Poético

O artista apresentou show autoral ?Cantos Rurais? no Teatro da FDCL, no dia 25 de maio


Por meio de uma parceria entre a Faculdade de Direito de Conselheiro Lafaiete – FDCL e a Liga Ecológica Santa Matilde – LESMA, o cantor e compositor Tuca Boelsums realizou um show autoral com foco em sua trajetória musical ao longo de sua carreira.
O espetáculo “Cantos Rurais”, realizou-se no dia 25 de maio (sábado), no Teatro da FDCL e marcou o encerramento do Abril Poético 2019 que, este ano, percorreu oito cidades nas regiões Central e Sul de Minas Gerais. O show ofereceu o melhor da música de um dos mais talentosos e representativos artistas de raiz de Conselheiro Lafaiete e região. Além disso, esse show teve como um dos objetivos estimular trabalhos autorais de músicos e artistas cujas obras, não raras vezes, são ofuscadas pelos holofotes de uma indústria que coloca a arte a serviço de interesses do mercado, do consumo e do mero entretenimento.
Cantor, compositor e instrumentista, Tuca Boelsums preparou um espetáculo em que o canto campesino é construído com um lirismo todo especial fazendo a arte celebrar a vida e a harmonia tecer as redes de sua poética rural: riquezas da vivência no campo.
Cantador de primazias, formado na rica experiência da estrada musical, a voz e a instrumentação de Tuca são marcas de uma musicalidade personalíssima e de respeitada qualidade. No show, o artista foi acompanhado pelo grupo ViolaSoul, oferecendo uma fusão entre a cultura cristalina de Minas de caráter universal. Luz da maturidade e da reflexão artística para que a nossa emoção sobreviva no lirismo eterno. O ViolaSoul é composto por Emerson Fonseca (viola e gaita), Marcelo Boy (baixo), Pedro Lobo (guitarra) e Tuca Boelsums (violão e voz).

CANTOS RURAIS

“Cantos Rurais” evoca a comunhão entre as cantigas e as tradições rurais, que estão no cotidiano das comunidades. O espetáculo é uma leitura musical contemporânea, semeando a história no solo fecundo da tradição campestre e seus ritos afetivos e peculiares. Assim, Tuca Boelsums traduz sua vivência rural, na região do Campo das Vertentes, imersa na autenticidade do singelo e traduzida pela linguagem musical: um equilíbrio entre dureza e leveza. Esse projeto prioriza composições autorais do artista, flertando com pérolas do cancioneiro regional e popular – pilares de nossa música brasileira.
O canto rural é o espelho da resistência afirmativa e sua leveza dialoga com o efervescente crescimento dos centros urbanos. Tuca Boelsums trouxe ao público a emoção ao reportar paisagens musicais próprias do interior mineiro, mostrando que a cultura é o espaço legítimo para o diálogo e tolerância das semelhanças e diferenças. Nessa toada, Tuca Boelsums, acompanhado pelo ViolaSoul, descortinou aos seus fãs e admiradores da boa música mineira, sua jornada coerente que o levou com distinção aos maiores palcos brasileiros.

QUEM É TUCA BOELSUMS

Frederico Leão Boelsums, o “Tuca”, nasceu na Fazenda do Tanque, interior de Minas. Resi­din­do em Conselheiro Lafaiete, iniciou sua carreira como músico e compositor, integrando o antológico grupo Queluz de Minas. Em apresentações pelo país, o Queluz de Minas gravou quatro discos e foi pioneiro na produção de obras independentes. Ao retornar à sua raiz rural, na Fa­zenda do Tanque, dedicou-se à pesquisa e res­ga­te das cantigas da região e da musicalidade mineira.
Atualmente, Tuca integra grupos musicais co­mo “Rios ao Luar” e “ViolaSoul”, além de manter sua carreira solo. Premiado e atuante nos principais festivais de música do país, com mais de se­ten­ta premiações, Tuca abriu shows e dividiu pal­co com grandes nomes da música como Renato An­drade, Geraldo Azevedo, Paulinho Pedra Azul, Lô Borges, Renato Teixeira, Tadeu Franco, Chico Lobo, Chico César, Pereira da Viola, entre outros. Tendo como premissas a sensibilidade mu­sical e o rigor artístico, Tuca Boelsums é um or­gulho para nossa cidade e região, ao nos conduzir às paisagens musicais peculiares do interior mineiro.
Segundo o Diretor Geral professor Cirley José Henriques, a FDCL pretente incentivar e disponibilizar o seu espaço para esse tipo de evento. Os interessados em utilizar o teatro devem entrar em contato com a direção pelo telefone (31) 3769 1919.




Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Redação, no dia 07/06/2019


Comente esta Notícia