Comunidade


Câmara dá sinal verde e tuk-tuks devem invadir a cidade



A Câmara de Lafaiete aprovou em primeira discussão e votação, na noite desta terça-feira, dia 19, o projeto de lei 074/2018, de autoria do vereador Oswaldo Barbosa (PP), que disciplina e regulariza uma nova modalidade de moto-táxi em Lafaiete. Trata-se dos exóticos triciclos automotores, os famosos tuk-tuks. Segundo o projeto, os profissionais que quiserem atuar no ramo devem seguir acompanhar os tramites no Legislativo – o projeto ainda passa por duas outras votações e, caso aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito Mário Marcus. Além disso, os novos veículos terão que estar de acordo com resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).
Pela iniciativa, o veículo terá que ter cabine fechada e equipamentos diversos, como cinto de segurança, espelhos retrovisores, de ambos os lados, farol dianteiro, de cor branca ou amarela, lanterna, de cor vermelha, na parte traseira, lanterna de freio de cor vermelha e extintor de incêndio. Os passageiros serão embarcados com o uso de capacete e colete reflexivos de segurança ao longo do trajeto a ser percorrido, salvo quando o transporte de triciclo for fechado, que contará também com um adesivo na parte externa para identificação visível do usuário. Os Tuk-tuks poderão transportar até dois passageiros, e vão seguir a mesma legislação dos moto-táxi, entre as quais, emplacamento na cor vermelha e vistoria de trânsito.
Os preços cobrados pelos tuk-tuks poderão ser diferenciados, principalmente aqueles em que as viagens ultrapassem os limites da zona urbana de Lafaiete, bem como será diferenciado os valores de viagens em horários noturnos, domingos e feriados. O veículo triciclo poderá transportar um ou mais passageiros pelo mesmo valor da tarifa. Em sua justificativa, o vereador e professor Oswaldo Barbosa explicou que o objetivo é incentivar o transporte alternativo legalizado e também contribuir na geração de emprego e renda. Segundo ele, há muitos pais de família desempregados que podem assumir essa atividade e ganhar o sustento de sua família.




Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Redação, no dia 25/03/2019


Comente esta Notícia