Cultura


Sabrina Matos esbanja talento tocando viola e surpreende com o vozeirão



Moradora da comunidade de Água Suja, em Itaverava, a violeira mirim Sabrina Matos, de apenas 10 anos, tem encantado a região com o seu talento. Na sexta-feira, dia 25, foi a vez da Redação do Jornal CORREIO ouvir de camarote a potente e surpreendente voz da cantora e sua incrível habilidade para tirar o melhor som da viola caipira. O talento gigante de Sabrina deixou todos boquiabertos e encantados com a artista, que sonha em seguir carreira.
A garota aprendeu a tocar viola observando o avô Brandico. Foi ele o responsável por despertar o seu talento. "Eu ficava olhando ele tocar viola em casa e fui pegando gosto, ficando com vontade de aprender a tocar. Ele largava a viola, eu corria e pegava até meio sem jeito, por causa do meu tamanho. Meu avô, vendo que eu levava jeito, começou a me ensinar as primeiras notas musicais. Depois de um tempo, ele conheceu o professor de viola Raylan Oliveira, que foi dar aula na cidade de Catas Altas Noruega, ficando mais perto da comunidade onde moramos", diz a garota que, agora, tem seu talento lapidado pela professora de canto Márcia e continua se aperfeiçoando no modo de tocar viola com o professor Rogério, na escola de música Vivace, em Conselheiro Lafaiete.

Leia mais na edição impressa, que estará nas bancas a partir deste sábado, dia 2 de junho



Escrito por Redação, no dia 01/06/2018