Política


Câmara pode abrir CPI para investigar acúmulo de cargos e supersalários



Após receber denúncias do Conselho Municipal de Saúde, embasadas em uma análise apresentada pela Federação das Associações de Moradores de Conselheiro Lafaiete (Famocol), já se cogita, nos bastidores da Câmara Municipal,  a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI). O procedimento serviria para investigar as suspeitas de acúmulo de cargos na Secretaria de Saúde por médicos que estariam trabalhando em dois locais ao mesmo tempo e de supersalários verificados no portal da transparência do município. Nenhum vereador ainda requereu a criação da CPI, mas o clima na Casa demonstra que esse parece ser o caminho natural a ser tomado. A mesma denúncia foi submetida ao Ministério Público. 

 Leia mais na edição impressa, que estará nas bancas a partir deste sábado, dia 12 de maio.




Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Redação, no dia 11/05/2018


Comente esta Notícia