Região


Após polêmica, laudo do MP atesta segurança em obras na barragem da CSN



 

Após longa polêmica, a CSN Mineração informou que o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) divulgou na quinta-feira, dia 12, o laudo final sobre as obras no Dique de Sela e a estabilidade da Barragem Casa de Pedra, instalada em Congonhas. Os documentos apresentados pela Companhia e os fatores de segurança foram considerados satisfatórios, conforme a análise do MPMG.

 

No fim do ano passado a CSN Mineração entregou ao órgão um documento com pouco mais de duas mil páginas onde apresentava dados que comprovam a estabilidade e a segurança da estrutura, além do atendimento a todas as recomendações feitas pela equipe técnica do MPMG.

 

Entre as informações prestadas constam que, com o fim das obras realizadas no Dique de Sela, os fatores de segurança chegaram a 2,11 na sua ombreira direita e a 1,87 na sua ombreira esquerda, acima do fator de 1,5 recomendado pelos órgãos competentes. Portanto, acima dos níveis exigidos pela legislação vigente.

 

A CSN Mineração ressalta que o trabalho tem sido feito com a transparência e seriedade que o tema merece e seguirá dialogando com todos os públicos, como comunidades e os órgãos competentes.

 

Por fim, a CSN Mineração reforça que o Plano de Emergência está concluído e que continuará trabalhando intensamente para garantir os mais altos níveis de segurança de suas barragens assim como a melhor interação com seus públicos para desenvolver as ações de emergência integradas que tragam segurança e tranquilidade para os moradores de Congonhas e os colaboradores da empresa.




Comente esta Notícia