Saúde


Municípios serão ressarcidos por gastos extras com febre amarela



A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) publicou na terça-feira, 6 de fevereiro, a Deliberação CIB-SUS/MG n° 2.663, aprovando o ressarcimento de internações em casos suspeitos ou confirmados de febre amarela que ocasionem extrapolamento de teto financeiro hospitalar dos municípios. O ressarcimento por meio dessa publicação tem como limite o valor de R$ 1,5 milhão.

De acordo com a diretora de Informações em Saúde da SES-MG, Marcela Augusta Teixeira, com a Deliberação, o que vai ocorrer, na prática, é que os municípios terão ajuda financeira do estado para atender à população durante a Situação de Emergência em Saúde Pública, previsto no Decreto nº 31, de 25 de janeiro de 2018.

Leia mais na edição impressa, que estará nas bancas a partir deste sábado, dia 03 de março



Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Redação, no dia 02/03/2018


Comente esta Notícia