Saúde


Lafaiete entra em estado de emergência para a febre amarela



A Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde informa que o município de Conselheiro Lafaiete está em estado de emergência para a febre amarela. Portanto, toda a população deve ficar atenta às instruções sobre prevenção e cuidados contra a doença.

Na manhã desta sexta-feira, dia 9, foi realizada uma reunião com a presença de técnicos da Superintendência Regional de Saúde, da Secretaria Municipal de Saúde e enfermeiros responsáveis pelas unidades dos PSFs. O objetivo foi definir ações imediatas para cobertura vacinal de toda a população.

Em Conselheiro Lafaiete já foram confirmados sete casos de epizootias em primatas (morte de macacos com febre amarela), sendo cinco na área urbana e três na área rural. Este é o primeiro indício de que o vírus causador da doença está em circulação nas áreas do município colocando em risco a população não vacinada. Em humanos, também já foram notificados casos, sendo quatro suspeitos e um já confirmado. Portanto, para se proteger só há uma forma, a vacinação.

A partir de agora, todas as equipes dos PSFs estarão disponíveis exclusivamente para a realização da vacina de porta a porta e de orientação sobre os cuidados que devem ter as pessoas que não podem receber vacina. Desta forma, a Secretaria de Saúde pede a compreensão dos usuários dos PSFs, pois devido à gravidade da situação as atividades não urgentes, serão temporariamente suspensas nas unidades, retornando tão logo a vacinação de toda a população for finalizada. A ação é de extrema relevância neste período para proteger a população contra uma epidemia de febre amarela que pode levar inúmeras pessoas à morte.

Durante o período de carnaval, a vacinação será oferecida próximo aos eventos oficiais. Quem ainda não se vacinou deve procurar o mais rápido possível uma unidade de saúde ou o posto volante que estará disponível no carnaval, pois a vacina só faz efeito após dez dias da aplicação. Não há outra forma de prevenção, somente com a vacina a pessoa estará protegida contra a doença.

O prefeito Mário Marcus ressaltou que a administração municipal está direcionando total apoio à ação e não estão sendo medidos esforços para que, em Conselheiro Lafaiete, não ocorra epidemia de febre amarela, entretanto o prefeito destaca que a colaboração da população também é muito importante e que todos que ainda não foram vacinados, devem se vacinar com a máxima urgência.

Itaverava

Em nota enviada a imprensa na quinta-feira, dia 8, a Prefeitura de Itaverava também informou que a cidade está em estado de emergência por causa da febre amarela.

O decreto foi assinado pelo prefeito José Flaviano. Por meio do decreto, o Executivo Municipal poderá adotar medidas administrativas para a contenção do surto, como aquisição de insumos e materiais e a contratação de serviços de pessoa de forma emergencial por tempo determinado.



Escrito por Redação, no dia 09/02/2018