Saúde


Mortes por suspeita de febre amarela colocam a região em estado de alerta



Após o governo de Minas Gerais decretar estado de emergência por causa da febre amarela, os municípios da região do Alto Paraopeba têm redobrado os cuidados e intensificado a campanha de vacinação. Mesmo assim, entre os dias 25 e 28 de janeiro, quatro óbitos foram registrados sob suspeitas de febre amarela. Três mortes ocorreram no Hospital Regional de Barbacena, mas as supostas vítimas da doença eram dos municípios de Senhora de Oliveira, Piranga e Ouro Branco. Segundo a secretaria de Saúde e Programas Sociais (Sesaps) de Barbacena, os pacientes eram todos do sexo masculino, com mais de 40 anos e tiveram como causa da morte falência múltipla dos órgãos e febre hemorrágica.

Leia mais na edição impressa, que estará nas bancas a partir deste sábado, dia 3 de fevereiro

 



Escrito por Redação, no dia 02/02/2018