Política


Projeto de lei que beneficia servidores da segurança é aprovado na Assembleia



Em Reunião Extraordinária na manhã de quinta-feira, dia 14, o Plenário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) aprovou, em 2° turno, o Projeto de Lei (PL) 3.078/15, do deputado Lafayette de Andrada, que inclui os agentes penitenciários e socioeducativos no rol dos agentes do estado com prerrogativa de cumprimento de pena privativa de liberdade em de­pendência distinta dos demais presos. Atualmente, a legislação garante esse direito apenas a presos que tenham exercido função policial.

O texto aprovado explicita que a proposição também se aplica, além dos agentes penitenciários e socioeducativos, aos bombeiros militares e garante que os agentes de segurança pública deverão ser mantidos em dependência distinta e isolada dos complexos penitenciários comuns existentes.

De acordo com Lafayette Andrada, o projeto é mais uma forma de assegurar a integridade física desses profissionais. "Esse é um direito daqueles que, invariavelmente, são ameaçados em ambientes penitenciários", completa o deputado. A proposição de lei segue para sanção do governador.




Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Redação, no dia 29/12/2017


Comente esta Notícia