Polícia


Polícia Civil prende quadrilha suspeita de faturar R$1 milhão em roubos



Foram cumpridos pela Polícia Civil, na tarde de quinta-feira, dia 23, 10 mandados judiciais contra os suspeitos de um crime cometido em 2015.  Os trabalhos foram realizados nos distritos de Antônio Pereira e Cachoeira do Campo, pertencentes à cidade de Ouro Preto, e resultaram em seis pessoas prisões preventivas e uma em flagrante, por receptação de moto roubada. Três homens continuam foragidos. Os presos são suspeitos de assaltar a praça de Pedágio de Conselheiro Lafaiete, quando a estrutura ainda estava sendo construída pela empreiteira OAS, levando materiais avaliados em cerca de R$200 mil.

No dia do crime, os funcionários da empreiteira foram rendidos, amarrados e ameaçados por cerca de 10 criminosos armados, que carregaram os materiais da obra em um caminhão. A investigação durou dois anos, por se tratar de uma grande associação criminosa, sendo necessária uma complexa análise de dados para comprovar a participação do grupo no assalto. Os investigados são suspeitos de terem praticado, pelo menos, mais três outras empresas: a Vale, Siderúrgica Gagé e Tetramir. O prejuízo causado pelos assaltantes ultrapassa a cifra de R$1 milhão. A operação contou com o apoio das Polícias Civil e Militar de Ouro Preto e envolveu cerca de 80 homens para o cumprimento dos mandados

Escrito por Redação, no dia 29/11/2017