Região

Ouro-branquense não adere a novo sistema e cidade fica na escuridão

Em uma cidade que sofre com o medo da violência, ruas escuras, com iluminação pública ineficiente, só favorecem a ação dos bandidos. Essa tem sido a situação vivida pelos moradores de Ouro Branco. Em contato com a nossa redação, várias pessoas denunciaram a demora para efetivar as trocas de lâmpadas queimadas na cidade. O problema seria mais grave nos bairros Siderurgia, Inconfi­dentes, Pioneiros e Belvedere, mas também é observada em vários outros pontos, com destaque para as passarelas, que nem sempre são iluminadas.

Leia a matéria completa na edição impressa, que estará nas bancas a partir deste sábado, dia 30 de setembro




Notícia enviada por Rafaela Melo, no dia 29/09/2017




Comente esta Notícia

Galerias

Turma dos “Ô Quêêê” celebra 20 anos de existência às margens do velho e piscoso rio Guaporé

Enquetes

Qual notícia chamou mais sua atenção?


Enquetes 2


No momento, não temos nenhuma enquete ativa.


Colunistas




EXPEDIENTE

DIRETOR-PRESIDENTE E EDITOR: Luiz Fernando de Andrade GERÊNCIA GERAL: Clésio Samuel Luiz Peixoto SUB-GERENTE: Edmilson Moreira Dutra REDATORA: Juliana Monteiro REDATOR-ADJUNTO: Hugo Pacheco Jr. REPORTAGEM: Frances Santana / Rafaela Melo PAGINAÇÃO GRÁFICA: Daniel Vieira / Raquel Gonçalves PUBLICIDADE: Mara Rúbia de Oliveira Silva / Silvana Ribas REVISÃO E DIGITAÇÃO: Jussara Andrade COORDENADOR DE ESPORTES: Amauri Machado (DRT 08266) BANCO DE DADOS: P. de Souza SECRETÁRIA: Norma Aparecida Vitoreti Ramalho CIRCULAÇÃO: Valdiney Rodrigo Vieira Rodrigues IMPRESSORES GRÁFICOS: Wilson Ricardo de Souza / Willian Ribeiro CONSELHO EDITORIAL: Dr. José Álvaro Castanheira / Luiz Fernando de Andrade / Clésio Peixoto / Juliana Monteiro