Comunidade

Mínimo tem menor aumento em 15 anos e desagrada lafaietenses

 

Para uns, representa alguns itens a mais no carrinho do mercado. Para outros, não cobre nem a cerveja do fim de semana. O fato é que o acanhado reajuste de 6,47% no salário mínimo não agradou muito aos lafaietenses.  Desde o dia 1° de ja­neiro, o valor de referência nacional pas­sou de R$ 880 para R$ 937 - R$57 a mais, pagos a partir de fevereiro. Com isso, a valorização do salário mí­­nimo, que o brasileiro se acostumou a acompanhar durante mais de uma década, perdeu o fôlego.  Em 2016, o ganho real foi de 0,36% e este ano não existiu. Segundo o Depar­tamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese), pa­ra suprir dignamente todas as ne­cessidades, o valor do mínimo deveria ser R$ 3.856,23.

Leia a matéria completa na edição impressa, que estará nas bancas a partir deste sábado, dia 7 de janeiro de 2017.


Notícia enviada por Hugo Pacheco Jr, no dia 06/01/2017




Comente esta Notícia


No momento, não temos nenhuma enquete ativa.


Galerias

Confira a galeria de fotos do carnaval 2017!

Enquetes


No momento, não temos nenhuma enquete ativa.


Enquetes 2

Qual notícia chamou mais sua atenção?


Colunistas




EXPEDIENTE

DIRETOR-PRESIDENTE E EDITOR: Luiz Fernando de Andrade GERÊNCIA GERAL: Clésio Samuel Luiz Peixoto SUB-GERENTE: Edmilson Moreira Dutra REDATORA: Juliana Monteiro REDATOR-ADJUNTO: Hugo Pacheco Jr. REPORTAGEM: Frances Santana / Rafaela Melo PAGINAÇÃO GRÁFICA: Daniel Vieira / Raquel Gonçalves PUBLICIDADE: Mara Rúbia de Oliveira Silva / Silvana Ribas REVISÃO E DIGITAÇÃO: Jussara Andrade COORDENADOR DE ESPORTES: Amauri Machado (DRT 08266) BANCO DE DADOS: P. de Souza SECRETÁRIA: Norma Aparecida Vitoreti Ramalho CIRCULAÇÃO: Valdiney Rodrigo Vieira Rodrigues IMPRESSORES GRÁFICOS: Wilson Ricardo de Souza / Willian Ribeiro CONSELHO EDITORIAL: Dr. José Álvaro Castanheira / Luiz Fernando de Andrade / Clésio Peixoto / Juliana Monteiro