Comunidade


Campanha Todos Por João mobiliza doadores de medula



A luta do pequeno João Pedro Henriques de Assis, 7 anos, continua. Sua história tem sensibilizado milhares de pessoas e ganha visibilidade até nas redes sociais. Prova disto foi o número de visualizações e compartilhamentos na página do Jornal CORREIO no Facebook. Até a quarta-feira, dia 22, a na publicação da matéria que relatou a história de João já tinha registrado mais de 26 mil acessos, 382 compartilhamentos e 297 curtidas.

Diagnosticado com leucemia, o pequeno guerreiro busca um doador, ao mesmo tempo em que luta para melhorar seu quadro de saúde e se submeter a um transplante de medula. Parte da esperança está na campanha "Todos por João". Di­vulgada no Facebook, a iniciativa vem sensibilizando várias pessoas para fazer o cadastro no Hemo­mi­nas e possível doação em caso de compatibilidade. Um ônibus saiu de Lafaiete na segunda-feira, dia 20, com cerca de 43 pessoas, com destino ao Hemominas, para exames.

A mãe de João, Andreia Henriques Damião, 28 anos, falou da ação e agradeceu o apoio de todos: Foi um dia muito especial. Os voluntários se mostraram muito animados e certos da doação. De Lafaiete, foram 43 pessoas, entre jovens e adultos. Todos fizeram o cadastro de medula óssea, mas nem todos puderam doar sangue. Mes­mo assim, fiquei muito feliz, pois, várias bolsas de sangue foram doadas. Quero agradecer a todos que se empenharam", comenta.

O drama de João começou quando ele estava para completar dois anos de idade. Em Belo Hori­zonte, no Hospital das Clínicas, foi constatado que João tinha leucemia. A mãe lembra que a primeira sessão de quimioterapia foi na véspera do Natal de 2010.

Doação de medula

João está no cadastro do Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome). Mas, como a doença está no sistema nervoso central, ele aguarda melhora do quadro e a localização de um doador compatível para o transplante.  Para ajudar João, basta entrar em contato pelos números: (31) 9 9860-3006 (Claro) e 9 8670-7396 (Vivo).




Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Rafaela Melo, no dia 28/06/2016


Comente esta Notícia