Bom dia - Em Conselheiro Lafaiete - MG, hoje é Terça-Feira, 2 de Setembro de 2014 - Agora são: 08:31:33 Você esta aqui : Home
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Pesquisar

Jornal Correio da Cidade

Dia dos Namorados: confira dicas para o presente perfeito

E-mail Imprimir PDF

Se você namora, fica ou mesmo já é casado, mas não deixou o tempo apagar o clima de romance, deve fazer parte da grande maioria das pessoas que ainda não decidiu o presente inesquecível para o Dia dos Namorados. E a escolha, eu garanto, nunca é tão fácil: se você namora há pouco tempo, conhece pouco; pode ter medo de arriscar. Se namora há muito tempo, certamente já deve ter ficado sem opções de presente e não aguenta mais ter que decidir entre sapatos, camisas, ursinhos de pelúcia e rosas.

A proposta dessa matéria e ajudar a você, leitor, a inovar e fazer uma boa escolha nesse intervalo de tempo que separa a leitura dessa matéria do dia 12 de junho (que aliás, graças a Deus, não caiu em pleno dia de semana). Romântica que sou, procurei listar coisas que façam o casal se perceber, se conhecer melhor, e abrir sentimentos que, às vezes, se perdem na correria cotidiana. E para surpreender, nem é preciso gastar tanto assim. O que conta é o sentimento que vem junto. Para facilitar, listei dos mais tradicionais aos mais criativos. Fique à vontade para escolher. Se ainda ficar na dúvida, busque sugestões no círculo de amizades do seu amor – mas peça cumplicidade. Quem sabe você não descobre o presente ideal.

 

Caixa dos sentidos

Esse presente deve mostrar o quanto você conhece a pessoa que namora e ser capaz de despertar cada um dos seus sentidos. Escolha cinco presentes: um para o olfato (perfume, hidratante, essências, incenso), tato (óleo de massagem, ursinho de pelúcia, roupa, um vale-massagem – feita por você), paladar (bombons, um bom vinho, carta de chocolate, um vale-jantar, o doce preferido), audição (mensagem de áudio gravada por você, um CD com a trilha de vocês, a coletânea da banda que seu amor mais gosta, cartão musical, caixinha de música), visão (foto de vocês, quebra-cabeça, manual da namorada, livro, vídeo, uma caricatura, banner/pôster). A caixa pode ser personalizada. É interessante colocar um recadinho em cada presente, ligando o sentido a vocês. Eu já fiz e vale à pena.

 

Álbum de Fotos

Compre um álbum de capa com espaço entre as fotos para escrever. Aí o que vale é a sua criatividade: enfeite a capa, escreva frases, coloque as fotos mais legais, use adesivos, cola colorida, gliter. Que tal personalizar com alguns comentários sobre as fotos? Ah! Deixe algumas páginas em branco e escreva que a história de vocês ainda não terminou... Ela é escrita todos os dias. A mesma ideia vale para um mural de fotos.

 

Álbum Destinos Traçados

Esse álbum exige um pouco mais de esforço e uma certa ‘cumplicidade’ com alguém da família. Ele começa com fotos do seu namorado e suas quando vocês eram pequenos, em situações semelhantes, por exemplo, com gorrinhos de natal, ultra-som das mães de vocês, festa de aniversário de 1 ano ou tomando banho de bacia. Aí você vai colocando esses tipos de fotos até chegar quando vocês se conheceram. Aí as fotos passam a ser do casal.

 

Colecionando Corações

Comece a brincadeira dias antes de uma data especial. Esconda pequenos corações pela casa toda (feitos do material que você quiser) e dê para ele (ou ela) um cofrinho. Cada coração encontrado deverá ser colocado nesse cofrinho. Na noite anterior à data, entregue um menu com várias opções. O preço estará em quantidade de corações. Seu namorado (ou namorada) poderá escolher por qual presente vai trocar os corações. Aí você escolhe as prendas. Exemplo: Massagem = 10 corações, Jantar feito em casa = 5 corações, passeio romântico = 8 corações. A dica é aproveitar o menu para mostrar o quanto você conhece a pessoa que ama, colocando itens que a deixem confusa, sem saber pelo que trocar.

 

Manual da Namorada (ou namorado)

Ótimo presente para quem está no começo do namoro, quando vocês ainda estão se conhecendo. Um manual sobre como você "funciona", o que te deixa feliz e irritada, assim, ele pode te conhecer melhor.

 

Trilha sonora

Compre um cd simples e grave as músicas que fazem parte da "trilha sonora de vocês".   A capa deve ter espaço para um encarte que você pode fazer no photoshop ou encomendar em uma dessas lojas de revelação de fotos com fotos de vocês dois. Vale colocar declarações de amor impressas na parte de dentro e o nome das músicas do lado de fora.

 

Scrapbook (ou caderno de lembranças)

Neste caderno, você pode colocar tudo que marcou no namoro ou na amizade.  É um presente personalizado, com muitas cores, muitos adesivos, fitas, fotos, papéis de bala, bilhete de cinema, poemas, fotos, caricaturas, combinação de signos, momentos marcantes, uma sessão “Você se lembra de ...”, ou “A gente já ...”, mensagens de celular, dia do primeiro encontro, primeiro beijo, os planos do casal.  Para ficar mais pessoal ainda, é legal que ele seja escrito à mão. Deixe pelo menos uma folha em branco, afinal, a história de vocês terá parte dois, parte três ...

Quem tem habilidade em programas de edição de imagens pode fazer esse mesmo trabalho em programas de edição de imagens, como o Movie Maker ou Vegas. A vantagem é que dá para colocar a trilha sonora de vocês de fundo.

 

Quebra cabeça

Você também pode faze um quebra cabeças com uma foto de vocês. Há lojas de revelação que fazem esse serviço. Quem tem habilidade também pode fazer no Photoshop. Fica muito romântico. Esse trabalho pode ser feito na pergunta também por calendários personalizados ou caixinhas com as fotos de vocês. Fica lindo!

 

Edredom personalizado

Se a sua intenção é fazer com que seu amor durma e acorde pensando em você, uma boa opção é comprar um edredom personalizado, cheio de declarações de amor, ou personalizar você mesmo, com canetas de escrever em tecido. O presente agrada. Eu já testei.

 

Presentes clássicos:

Se você tem medo de ousar ou não dispõe de tanto tempo, ou se você é do tipo mais tradicional, sua opção pode estar entre os presentes clássicos:

 

Cesta de café da manhã

Há padarias, como a Divino Pão (3763-1840), que fazem cestas personalizadas. Você escolhe o que quer, de acordo com as preferências da pessoa que será presenteada. A cesta pode ser entregue pessoalmente ou pelo serviço da padaria.

 

Perfumes

Não há quem não goste de perfume, mas é preciso cuidado na hora de escolher: fragrâncias são muito pessoais e pode agradar demais a uns e desagradar a outros. A dica é descobrir a marca do perfume que seu amor usa ou o tipo de fragrância (amadeirada, floral, cítrica, oriental). Assim você mostra que está em sintonia com ele e que está atento aos pequenos detalhes. Se você não quiser arriscar muito, opte por quites de hidratantes, xampus, sabonetes da Água de Cheiro (3721-3202).

 

Flores

Elas, sem dúvida, estão no topo da lista dos presentes românticos e nunca saem de moda, mas é possível variar. Além de buquês de flores, você pode optar por flores vivas, belas orquídeas, arranjos, flores do campo. Enfim, na dúvida, ligue para uma floricultura e peça uma sugestão. Lojas, como a Bela Flor (3762-3421/3763-5606), entregam em domicílio.

 

Chocolates

Dá para ir além da tradicional caixinha de bombom. Trabalhos artesanais podem dar um toque mais particular ao presente, individualizando o momento dos dois, com corações, cartões de chocolates e, para os casais mais ousados, até chocolates eróticos. Para personalizar, vale à pena procurar trabalhos como o do Buffet Sirlene Serafim (3763-2008).

 

Coleções de CDs ou DVDs

Se seu par é fanático por esportes, filmes de ação ou uma banda, em especial, você pode ajudá-lo a fazer ou melhorar a coleção de DVDs ou com esse presente. Você pode até mesmo criar a sua própria coleção, agrupando filmes por ator ou tema. Complete o presente assistindo aos filmes com ele e descobrindo um pouco mais sobre suas preferências.

 

Livros

Se o amor da sua vida é do tipo intelectual ou se interessa por um tema em especial, um presente super charmoso para dar (e receber) é um livro. Existem aqueles que são, em si, declarações de amor, com imagens e pequenos textos, mas se você conhece o gosto do seu (sua) namorado (namorada), inove. Há excelentes títulos no mercado. E não esqueça de caprichar na dedicatória.

Roupas e sapatos

Esteja atento ao estilo da pessoa que você irá presentear. Se ela usa rasteirinhas, por que presentear com um salto alto? Se ele faz o tipo atleta, talvez um sapato mais social não seja uma boa dica. Perceba seu par. Veja como ele ou ela se projeta e presenteie. Uma boa dica para os que gostam de futebol é um kit-pelada, com bola, meião, caneleira, chuteira, shorts, camisa do time, ou, para os amantes do vôlei, camisas, joelheira, tênis. Para elas, a belos modelos de inverno, como botas, oxfords, abotinados, ankle boots, etc. E não esqueça de elogiar o resultado final...

 

Jantar romântico

Se você é mulher, sem dúvida já sonhou ser surpreendida com um romântico jantar à luz e velas. Se você é homem, nunca irá se esquecer da reação da sua namorada diante dessa surpresa. Então, por que não lançar mão desse clássico sempre atual? Reserve uma mesa em um bom restaurante, peça um bom vinho e faça aquela declaração de amor. Se possível, acompanhada de uma joia. Agora, se o seu amado não tem essa iniciativa, faça você mesma. Vale à pena. E se o nível de intimidade do casal vai um pouco além dos beijos e abraços, que tal reservar uma bela suíte romântica, enfeitada para a ocasião ou por você mesmo, e terminar a noite juntos?

 

Eternize suas emoções

Um book de fotos, sem dúvidas é um excelente presente para o dia dos namorados. Ele é o registro de um momento marcante para o casal e trará, no futuro, boas recordações e a vontade de resgatar essas emoções vividas. Conforme explicam os fotógrafos André Luiz e Daniel Agnar, do Studio Art Replay (3763-1055), há uma simbologia que está ligada à vontade de estar junto, à união e ao comprometimento do casal. “Quando o casal olhar as fotografias tem que sentir a veracidade da emoção vivida naquele momento; sentir o quanto ficam bonitos juntos e quanto o carinho entre eles e o afeto mútuo aparece nas fotografias”, explicam.

O valor do book varia de acordo com o que o cliente precisa.  É possível fazer fotos externas, mas o próprio Studio oferece um ambiente externo. Também é possível driblar a timidez: “As pessoas geralmente ficam inibidas pela câmera, mas os fotógrafos conseguem perceber pequenos detalhes e características nas coisas e nas pessoas, usando o olhar fotográfico não só para fotografar, mas também para elogiar enquanto fotografamos. Assim o cliente fica mais extrovertido e deixa a timidez de lado”, garantem.

 

A origem do Dia dos Namorados

A comemoração da data surgiu no Império Romano. Um bispo da Igreja Católica, São Valentim, foi proibido de realizar casamentos pelo imperador romano Claudius II. Porém, o bispo desrespeitou a ordem imperial e continuou com as celebrações de matrimônio, mas de forma secreta. Descoberto, ele foi preso pelos soldados e condenado à morte. Enquanto estava na prisão, recebeu vários bilhetes e cartões de jovens apaixonados, valorizando o amor, a paixão e o casamento. O bispo Valentim foi decapitado em 14 de fevereiro do ano 270. Por esta razão, na maioria dos países, o dia dos namorados é comemorado no Dia de São Valentin (14 de fevereiro - Valentine’s Day).

No Brasil, a data apresenta uma história bem diferente, pois está relacionada ao frei português Fernando de Bulhões (Santo Antônio). Em suas pregações religiosas, o frei sempre destacava a importância do amor e do casamento. Em função de suas mensagens, depois de ser canonizado, ganhou a fama de “santo casamenteiro”.

Por isso, em nosso país, foi escolhida a data de 12 de junho, por ser véspera do dia de Santo Antônio (13 de junho). Assim como em diversos países do mundo, aqui também é tradição a troca de presentes e cartões entre os casais de namorados.

Independente da sua escolha, o que uma pessoa apaixonada mais quer ganhar nesse dia é o amor; é aquela sensaçãozinha indescritível que sentimos ao perceber que somos especiais e que conseguimos roubar pequenos momentos de reflexão, sendo o foco dos pensamentos, em pequenos instantes de valor imensurável. E se amor é realmente como diria o Nobel da paz alemão, Albert Schweitzer, “uma luz que vai e vem em constante reflexão entre dois pontos”, vale à pena preparar seus olhos para recebê-lo.

Por Juliana Monteiro
Jornalista

 

Participe da promoção "Eternize seus momentos", do Jornal Correio e studio Art Replay. Saiba como ganhar um ensaio fotográfico lendo o Jornal Correio

 


rssfeed
Email Drucken Favoriten FacebookWebSzenario
 
Banner
Banner
Banner


Enquete 1

Qual matéria chamou mais a sua atenção?
 

Enquete 2

Na sua opinião, qual o maior problema de Conselheiro Lafaiete?
 

Publicidade

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

Classificados

Banner

Menu do Usuário


Contador de Acesso

Visualizações de Conteúdo : 6531251

Expediente

Expediente DIRETOR-PRESIDENTE E EDITOR: Luiz Fernando de Andrade GERÊNCIA GERAL: Clésio Samuel Luiz Peixoto SUB-GERENTE: Edmilson Moreira Dutra REDATORES: Juliana Monteiro / Camila Viana PAGINAÇÃO GRÁFICA: Rafael Souza / Sérgio Luna Martins REPORTAGEM: Frances Santana PUBLICIDADE: Letícia Molinares / Silvana Ribas REVISÃO E DIGITAÇÃO: Jussara Andrade / Sérgio Luiz Peixoto COORDENADOR DE ESPORTES: Amauri Machado (DRT 08266) BANCO DE DADOS: P. de Souza SECRETÁRIA: Norma Aparecida Vitoreti Ramalho CIRCULAÇÃO: Gilberto Carlos da Silva / Claudinei Rodrigo da Silva IMPRESSORES GRÁFICOS: Wilson Ricardo de Souza / Nathaniel Rodrigues / Willian Ribeiro CONSELHO EDITORIAL: Dr. José Álvaro Castanheira / Luiz Fernando de Andrade/ Clésio Peixoto / Juliana Monteiro

Qual a sua denúncia?

Banner

História do Jornal CORREIO

Untitled Document

História do Jornal CORREIO

Em 22 anos, o periódico conquistou credibilidade e a confiança de leitores, venceu dificuldades e comemora marca histórica.

Juliana Monteiro Jornalista

Modéstia a parte, não é qualquer veículo de comunicação que pode se orgulhar da histórica marca de 1000 edições. Em 22 anos de circulação, o Jornal Correio da Cidade conquistou credibilidade e a confiança do leitor. É o mais antigo periódico em circulação ininterrupta no Alto Paraopeba, líder em assinaturas e vendas avulsas, o que se reflete na maior tiragem mínima da região, hoje fixada em 5 mil exemplares. Mas por trás de uma história de sucesso, há vários capítulos de luta e de superação.

Leia mais.