Colunas


Lafaietenses se aventuram em pescaria no rio Guaporé, na Bolívia



Entre os dias 8 e 13 de novembro, os pescadores José Marcio, Edson, Frank, Ro­naldo e Fabian se aventuraram em uma pescaria no rio Guaporé, a partir de Cacoal (RO). Eles partiram de Conselheiro Lafaiete, seguindo para Confins, de onde tomaram um voo da Azul rumo a Cacoal. De lá, alugaram um carro e seguiram em sentido a Rolim de Moura, Santa Luzia do Oeste e, então, Alto Alegre.

Neste ponto, terminou o asfalto e o grupo pegou uma estrada, conhecida como 40, que termina em um estacionamento, na beira de um rio, em Porto Rolim. Uns 50 km antes desse estacionamento encontra-se o Sucuri, onde vale a pena parar para fazer um lanche perfeito. Eles servem almoço e até jantar também.

Chegando neste estacionamento, o jeito é largar o carro e seguir o resto de barco. Fica­mos na pousada Pantanal que, aliás, é muito agradável. Oferece um ambiente familiar e atendimento personalizado. Eles buscam e levam os hóspedes do estacionamento para pousada. A pousada fica a uma hora deste es­tacionamento de barco, mas já está no rio Gua­poré. Porto Rolim está dentro de uma re­serva onde não se pode pescar.

Em quatro dias de pesca, o grupo ainda te­ve a oportunidade de ver muitos jacarés, ari­ranhas, pássaros diversos, lindas araras, sem contar os botos, que não nos atrapalharam. Porém, das famosas onças, eles só ouviram o rugido às margens.



Escrito por Pesca, no dia 14/12/2017