Pesca

Tilápia é a espécie mais cultivada em Minas Gerais, com 94% dos peixes produzidos

Criar peixes tem se tornado uma atividade cada vez mais forte em Minas Gerais. Se­gundo o IBGE, em 2016, o estado passou a ocupar o 6º lugar no ranking nacional dos maiores criadores de peixes do país. No ano an­terior, Mi­nas ocupava o 8º lugar na lista. Os nú­meros fazem parte da Pesquisa Agropecuária Mu­nicipal, publicada anualmente pelo instituto. Em 2016, a produção de peixes em Minas Gerais foi de 32,8 mil toneladas. Um crescimento de 48,4% em relação a 2015, quando o estado produziu 22,1 mil toneladas.

A produção mineira representa 6,5% do total no país e gerou, no ano passado, R$ 211 milhões. ?Este crescimento estadual vem sido verificado já há algum tempo. Acreditamos que, em breve, Minas Gerais irá ocupar o 4º lugar na lista de maiores criadores, com produção superior a 40 mil toneladas de peixe?, comenta a assessora técnica de Pesca e Piscicultura da Emater-MG, Va­nessa Gaudereto.

Ela explica que o aumento verificado na produção mineira é o resultado da maior integração entre criadores e o poder público, como a Emater-MG e as secretarias de Estado.  ?A participação dos produtores na tomada de decisões vem crescendo. E o Estado busca adequar a legislação à realidade dos produtores para incentivar as criações, como exemplo temos a consulta pública proposta pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente para alteração da Deliberação Normativa (DN) 74 que deverá trazer grandes avanços na legalização da piscicultura em Minas?, comenta a assessora.

Outro ponto destacado por Vanessa Gau­de­reto é o aumento do número de eventos técnicos e seminários pelo estado, com o objetivo de in­centivar a Criação, tanto em tanque-rede como em tanque escavado, além dos tanques suspensos, numa parceria com a Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig). Em todo o país, a criação de peixes de água doce movimentou R$ 3,2 bilhões, com 507 mil toneladas. O estado de Rondônia liderou a produção. A pesquisa do IBGE mostra que a tilápia é o peixe mais criado no Brasil, com 47,1% do total. Em seguida aparece o tambaqui, com 27%.  Em Minas, a tilápia também é a espécie mais cultivada, com 94% do total de peixes produzidos. A Emater-MG estima que existem cerca de 4,6 mil piscicultores no estado, a maioria formada por agricultores familiares.

Destaque municipal e trutas

Outro destaque para Minas Gerais no levantamento divulgado pelo IBGE sobre a piscicultura foi a lista dos maiores produtores municipais. Morada Nova de Minas, às margens da represa de Três Marias, aparece em segundo lugar entre os maiores produtores de tilápia do país, com 8,74 mil toneladas, somente atrás do município de Orós (CE) na produção da espécie. Os números da pesca em 2016 no município também colocaram Morada Nova de Minas no quarto lugar entre os maiores criadores gerais de peixe do Brasil.

A produção de truta também teve grande destaque no estado. Minas liderou o ranking de maior produtor da espécie no país, alcançando 888 toneladas. A região da Serra da Mantiqueira é um importante polo produtor. ?A truta se adaptou muito bem à região por causa das temperaturas mais baixas e da boa qualidade da água, que precisa ser cristalina e fria. O relevo da serra, com muitas rochas e corredeiras, garante a boa oxigenação necessária. Outra característica é que as cria­ções ocupam pequenos espaços na propriedade?, afirma a assessora da Emater-MG.

Inscreva-se no Torneio de Pesca

Estão abertas as inscrições para mais um torneio de pesca da Associação de Pes­ca­do­res e Ecologistas de Lafaiete (Aspecol). A disputa acontece no sábado, dia 14, das 8h às 18h, no Pesque e Pague Roça Grande (MGt-482, km 277, estrada para Itaverava). A participação para sócios terá o custo de R$50 e dará direito a café da manhã, almoço e lanche da tarde. Para não sócios, o investimento é de R$80, incluindo a inscrição. Ha­verá sorteio de brindes. Inscrições e informações pelos telefones: (31) 99835-2083 e 37621-3602, fa­lar com Davi ou 3763-1306 (horário comercial).


Coluna enviada no dia 09/10/2017




Comente esta coluna

Galerias

Turma dos “Ô Quêêê” celebra 20 anos de existência às margens do velho e piscoso rio Guaporé

Enquetes


No momento, não temos nenhuma enquete ativa.


Enquetes 2


No momento, não temos nenhuma enquete ativa.


Colunistas




EXPEDIENTE

DIRETOR-PRESIDENTE E EDITOR: Luiz Fernando de Andrade GERÊNCIA GERAL: Clésio Samuel Luiz Peixoto SUB-GERENTE: Edmilson Moreira Dutra REDATORA: Juliana Monteiro REDATOR-ADJUNTO: Hugo Pacheco Jr. REPORTAGEM: Frances Santana / Rafaela Melo PAGINAÇÃO GRÁFICA: Daniel Vieira / Raquel Gonçalves PUBLICIDADE: Mara Rúbia de Oliveira Silva / Silvana Ribas REVISÃO E DIGITAÇÃO: Jussara Andrade COORDENADOR DE ESPORTES: Amauri Machado (DRT 08266) BANCO DE DADOS: P. de Souza SECRETÁRIA: Norma Aparecida Vitoreti Ramalho CIRCULAÇÃO: Valdiney Rodrigo Vieira Rodrigues IMPRESSORES GRÁFICOS: Wilson Ricardo de Souza / Willian Ribeiro CONSELHO EDITORIAL: Dr. José Álvaro Castanheira / Luiz Fernando de Andrade / Clésio Peixoto / Juliana Monteiro