Colunas


Turma dos Ô Quêêê irá pescar no rio Guaporé em 2017



A turma dos Ô Quêêê, conhecido grupo de pesca de Con­selheiro Lafaiete, definiu seu destino para 2017: Pousada Águas do Guaporé, na localidade de Porto Rolim, em Rondônia-RO.

A POUSADA

A pousada (foto) se situa em meio aos Rios Guaporé e Mequens e foi idealizada por uma família de turistas que tinha este local como refúgio para passear e pescar. Está localizada a 692 Km de Porto Velho, capital do estado de Rondônia, a 295 Km de Ji-Paraná e a 265 km de Cacoal onde há aeroporto com voos diários da empresa AZUL, com ligação para todo país. O caminho de Cacoal até a pousada tem parte em asfalto e 140 Km de estrada de chão em perfeito estado de conservação até chegar à pousada no distrito de Porto Rolim, uma pequena vila de quilombolas, índios e pescadores na divisa do BRASIL com a BOLÍVIA.

ESTRUTURA

lCHALÉS com TV, geladeira, internet wi-fi, ar condicionado, banheiro exclusivo.

lREFEITÓRIO para até 25 pessoas de cada vez, ambiente ao ar livre protegido por tela, com TV de LCD e ventiladores.

lBarcos com motor 40 HP e piloteiros, cadeiras giratórias e caixa térmica para bebidas.

lVista panorâmica para o Rio Mequens.

OUTRAS INFORMAÇÕES

O local também é ideal para admirar aves, animais silvestres como a onça pintada, anta, capivara, jacarés e se encantar com as belas tartarugas. O Rio Guaporé está situado no lado brasileiro do Rio Madeira. Margeando o flanco esquerdo da Chapada dos Parecis, corre em uma das mais belas paisagens de toda bacia amazônica.

A pesca é rica e diversificada, num ambiente que até bem pouco tempo (em termos geológicos) ligava dois biomas importantíssimos: Pantanal e Amazônia. Prova disso é a grande quantidade de peixes presentes nas duas bacias.  No rio, que também faz fronteira entre Brasil e Bolívia, a variedade de peixes e a quantidade é impressionante (Tucunarés, Corvinas, Cachara, Caparari, Apapás, Tambaquis, Cachorras, Pirararas, Matrinxãs, Jatuaranas, entre outros) que fazem a festa do pescador.

É um ambiente acolhedor onde os visitantes irão passar momentos incríveis junto à mais bela e exuberante natureza. O pôr e o nascer do sol são belezas à parte e merecem muito ser comtemplados.

 ?É um lugar abençoado, que procuramos e não medimos esforços para preservar. Um verdadeiro paraíso em meio à floresta?, dizem os proprietários da pousada.


José Silvestre Vieira

Aposentado, fotógrafo de aves e pescador


Escrito por Pesca, no dia 09/02/2017