Frei Tibúrcio


Frei Tibúrcio edição 1299/2016



Foguetinho

Aqui deste jeito: quando precisa criticar, ns criticamos, sem d nem piedade, mas quando necessrio elogiar, a recproca a mesma e com a intensidade devida. Ficou uma beleza a decorao de Natal de Lafaiete. Ela inspirou, inclusive, centenas de casais, que levaram seus filhos para tirar fotos na rvore de Natal da praa Chiquito Furtado, no rotor da Telsforo. O trabalho ficou to legal e bem feito, que recebeu elogios de visitantes de vrias partes do pas. Um foguetinho de 100 estalos para a administrao do alcaide Ivar Cerqueira. Valeu!

Clima morno

O clima eleitoral em Lafaiete ainda no esquentou. So, no momento, cinco prefeitveis ? veja bela reportagem na pgina 6, desta edio ? e nenhum deles ainda no empolgou o eleitorado. Saciadas por escndalos e mais escndalos, principalmente do Governo Federal, alm da crise econmica, a populao lafaietense continua ignorando os polticos e seus projetos. Espera-se que, depois do carnaval, que para o bem da nao, ser realizado no incio de fevereiro, a temperatura esquente para valer e as discusses em torno do arranca-rabo eleitoral voltem tona. Oremos!

Decisivo

Afinal de contas, 2016 ser decisivo para o futuro de Lafaiete. No custa lembrar que em outubro, mais precisamente no dia 2, teremos que escolher, custe o que custar, o novo prefeito e os novos vereadores, que ficaro no cargo at 2020, como os legtimos representantes da populao.  

 Maior erro

O alcaide Ivar Cerqueira poderia estar, hoje, colhendo os louros de seu trabalho na prefeitura. Em tempos de crise das mais brabas, Cerqueira e sua equipe passaram inclumes por vrios problemas e conseguiram, entre outras coisas, ficar imunes corrupo que assola o pas. Tambm mantiveram os pagamentos em dia e a cidade funcionando bem. Seu maior erro, contudo, e que ainda repercute muito entre os populares, foi o apoio incondicional candidatura derrotada a deputado estadual do ex-prefeito de Congonhas, Anderson Cabido. Isso sim foi um baita tiro no p.

Dengue

Nem com a dengue, chikungunya e, agora, o zika, as pessoas tomam jeito. Continuam jogando todo tipo de lixo nas ruas e os casos aumentam a cada dia. Pena que o mosquito Aedes aegypti no escolhe suas vtimas. Ele pica qualquer um, sem d nem piedade.  Ajude a cidade, caro leitor, denunciando os mal educados, por meio do telefone 3769-2555 e faa a sua parte.



Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Frei Tibúrcio, no dia 22/01/2016

Frei Tibúrcio


-


Comente esta Coluna