Terça, 14 de Julho de 2020
Frei Tibúrcio


Frei Tibúrcio 1513



Que beleza
As intervenções que serão feitas, pela prefeitura de Lafaiete,  no fim da rua Comendador Nemézio, perto da antiga garagem da Coca-Cola, ligando-a à Marechal Floriano Peixoto, merecem notas de louvor. A ligação será feita com a construção de uma ponte sobre o rio Bananeiras e a desapropriação de dois imóveis, que facilitarão o acesso de carros e pedestres. É o tipo de obra visionária, para o futuro, que vai desafogar o trânsito, melhorar a fluidez do tráfego e a qualidade de vida. (Leia matéria sobre o assunto na página 18 desta edição).

Asfixia
Os Tiras da PM estão chegando junto nos tradicionais rolezinhos na avenida e, principalmente, nas motocas barulhentas. O resultado começa a aparecer, já que o barulho tem diminuído sensivelmente. A verdade é que morar e trabalhar na avenida Telésforo Cândido de Resende estava um verdadeiro inferno. Um vira para os Tiras da PM.

Nova diretoria
Os irmãos do vereador Alan Teixeira arrendaram o tradicionalíssimo posto de gasolina Nogueira, que fica próximo à Policlínica Municipal. O antigo dono, ex-vereador Olávio Nogueira, decidiu dar um tempo no trabalho e dar atenção a outros negócios. A reinauguração do “novo” posto, que deve ganhar layout diferente do anterior , será após o carnaval.

Foguetes
Quem merece um foguetinho de três estalos é o vereador e professor Oswaldo Barbosa. Ele deixa sua cadeira de edil dia 28 de fevereiro, já que o secretário de Cultura, Geraldo Lafayette, dono da vaga, reassume o cargo dia 1º de março. Oswaldo cumpriu seu período com maestria, honradez e respeito às pessoas e ao patrimônio público, além de ter mantido postura isenta, responsável e independente nos casos mais polêmicos em que participou e votou. Vai fazer falta!

Geraldo
 Por sua vez, a coluna deseja e espera que o titular da vaga, Geraldo Lafayette, continue seu trabalho da mesma maneira que deixou a pasta de Cultura: com absoluta independência, seriedade e respeito ao patrimônio público.
 
Locas
É deveras preocupante a situação das MGs que ligam as cidades da região ao município de Lafaiete. Nesta semana, um sobrinho deste FREI esteve em Casa Grande e Queluzito e verificou in loco a situação de penúria da MG-844. São tantos os buracos que fica difícil enxergar a própria estrada. Que saudade do tempo em que o estado de Minas priorizava as MGs. Que saudade!



Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Frei Tibúrcio, no dia 29/02/2020

Frei Tibúrcio


-


Comente esta Coluna