Frei Tibúrcio


Frei 1434/ 2018



Horror

De tera-feira, 7, at a noite de quarta, dia 8 de agosto, quatro comrcios foram arrombados e literalmente queimados de forma acintosa e criminosa. Alm dos prejuzos incalculveis houve uma mudana brusca na vida de pessoas honestas, trabalhadoras e empreendedoras. Os bandidos queimaram sonhos, projetos e a alma das vtimas.

 

E agora?

Alm do J. Oliveira, no bairro Jardim Amrica, que pertence ao presidente do Sindicato do Comrcio Varejista de Conselheiro Lafaiete (Sindcomrcio), Bento Jos de Oliveira,  praticamente destrudo pelo incndio criminoso, outros comrcios sofreram com as aes, entre os quais o Sacolo Mundial, no bairro Progresso, a lotrica do Joo Paulo P Quente, na rua dr. Campolina e a tradicional Comercial Juper, no mesmo endereo. Soma-se a isso, o mesmo modus operandis do larpio, que, aps arrombar, tacou fogo com lcool nos locais, destruindo-os completamente. E agora? Quem ser a prxima vtima?


Ms passado

No ms passado, uma loja de roupas na praa So Sebastio j havia sofrido ataque semelhante e tambm foi destruda.

 

Cruzes

A grande questo que as Polcias Civil, Militar, Ministrio Pblico e Poder Judicirio precisam dar uma resposta rpida e eficiente sociedade, sob pena de ficarem desacreditadas perante a sociedade. inadmissvel que uma s pessoa cometa tantos crimes, em curto espao de tempo, e nenhuma autoridade consiga chegar perto do suspeito.


Insegurana

A sensao de insegurana em Lafaiete tamanha, que muitas pessoas esto de malas e mudanas prontas para outras plagas, menos violentas que nossa outrora tranquila cidade. A insegurana e, sobretudo, a impunidade, batem com fora em nossas portas, portes, mentes e coraes.


Absurdo

Corri a alma e mutila nossas entranhas ver amigos perderem tudo de uma veizada s, por causa de bandidos que no deveriam estar soltos entre ns. Cad o Estado que nos cobra impostos, que nos fiscaliza de forma eficiente e gil, mas que na hora em que mais precisamos simplesmente nos abandona?


Que coisa

Sabe-se que o suspeito nmero 1 de cometer essa srie de barbaridades tem, pasmem, mais de 100 BOs nas costas, devidamente registrados. Por que, afinal, essa escria continua solta? O que precisam mais para colocarem-no entre as grades?  Vade retro impunidade indecorosa.


Protesto

Em protesto a essa barbrie que a populao est sendo submetida, a coluna no abordar questes polticas nesta edio.



Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Frei Tibúrcio, no dia 16/08/2018

Frei Tibúrcio


-


Comente esta Coluna