Educação


Pedagogia de projetos: trabalho com aprendizagem prazerosa



A Base Nacional Comum Curricular do Ensino Mdio (BNCC) foi aprovada e j vai ser analisada pelo Conselho Nacional de Educao (CNE). A previso ou inteno, eu no sei bem ao certo que palavra usar, de que, em 2019, professores e alunos comecem a usar outro currculo e as aulas comecem a ser menos tediosas, cansativas, com aprendizagem to baixa. Vai haver resistncias? O que voc acha?
A tendncia de pais e responsveis por estudantes dizer que a funo da escola instruir. Dizem que se formaram assim e deu certo. O problema que viveram um mundo em que bastariam seguir instrues e tudo dava certo. E muitos estudantes, equivocadamente, tambm pensam assim. No perceberam que nossa relao com o conhecimento mudou profundamente nas ltimas dcadas e que no podem fazer as mesmas trilhas percorridas por seus pais ou responsveis. Evidentemente, muitos resistem a essa idia e exigem que os professores continuem como meros instrutores e faam tudo por eles, principalmente em escolas que cobram mensalidades.
Um bom nmero de escolas e alunos que j mudaram a sua percepo sobre aprendizagem, a comear dos professores. o que ocorre com a proposta da pedagogia de projetos, que no nova e nem a nica que est levando as escolas a mudarem sua forma de agir. Mas optamos, agora, a falar dela em especial, mencionando a educao pela pesquisa, pois esto vinculadas em vrias situaes.
As escolas, professores, pais e alunos que j quebraram a resistncia a outras formas de trabalhar na escola sabem dizer que trabalham mais do que faziam na escola tradicional que apenas ?transmite conhecimentos?. Em compensao, no veem o tempo passar: eles se cansam, mas o trabalho prazeroso. E as razes para isso so muitas.
Os princpios norteadores dessa pedagogia so simples, mas extremamente impactantes na vida subjetiva e coletiva dos alunos, professores e comunidade educativa. Eis alguns: em geral, o tema para o projeto escolhido e trabalhado pela escola toda e no apenas algumas turmas. E uma aprendizagem colaborativa j comea pela escolha coletiva do tema. No existe tanta harmonia assim para a escolha do tema. exatamente nesse aspecto que a escola comea a crescer, pois as tomadas de decises so discutidas, debatidas e votadas.
Pessoalmente, defendo a ideia de que as escolas deveriam comear a aplicar essa pedagogia em uma ou duas turmas que atuassem como programa piloto. Posteriormente, o desempenho e os resultados das classes envolvidas no projeto seriam comparados com as demais. O princpio bsico dessa modalidade de trabalho o de que a participao dos alunos essencial. Diretores e professores no decidem e nem do as direes para eles, como ocorre na aula tradicional. Outra questo essencial que o trabalho multidisciplinar.
De acordo com a pedagoga Soraya Mendona Marques, [...] ?A funo do projeto a de tornar a aprendizagem ativa, interessante, significativa, real e atrativa para o aluno, englobando a educao em um plano de trabalho agradvel, sem impor os contedos de forma autoritria. Assim, o aluno busca e consegue informaes, l, conversa, faz investigaes, formula hipteses, anota dados, calcula, rene o necessrio para a soluo dos conflitos cognitivos e, por fim, converte para a construo e ampliao de novas estruturas de pensamento.?
Tudo isso d muito trabalho, mas gera aprendizagem prazerosa. Metaforicamente falando, a pedagogia de projeto a prtica de montanhismo que os alunos fazem. Saber que escalar montanhas algo trabalhoso, mas prazeroso e compensador. Mesmo em manhs de domingos, quando outros esto ?deitados eternamente em bero esplndido?, apenas dormindo o sono do conformismo e do baixo desempenho escolar.

os Antnio dos Santos
Mestre pela UFSJ
Contato: joseantonio281@hotmail.com




Você está lendo o maior jornal do Alto Paraopeba e um dos maiores do interior de Minas!
Leia e Assine: (31)3763-5987 | (31)98272-3383


Escrito por Educação, no dia 18/05/2018


Comente esta Coluna